Publicado em 30/11/-0001 às 00:00:00 - Atualizado em 30/11/-0001 ás 00:00:00

 

Monitores de transporte escolar recebem treinamento

 

Monitores de transporte escolar recebem treinamento


Uma das maiores preocupações dos pais é com a qualidade do transporte que vai levar e trazer seus filhos da escola. Além do motorista, a atuação de outro profissional é fundamental para trazer tranquilidade aos adultos e segurança aos alunos.
Trata-se do monitor, que, entre várias funções, também é um tipo de educador. Pensando nisso, a Prefeitura de Itaquá, por meio das Secretarias de Educação e de Transportes, promoveu um curso de formação continuada para cerca de cem monitores que atuam na rede municipal.
Divididos em quatro turmas, os profissionais receberam orientação sobre as atribuições da função, postura e conduta do profissional, noções do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), prevenção de acidentes de trânsito e primeiros socorros. Como lidar com alunos de inclusão no transporte regular e quais os compromissos e responsabilidades também foram discutidos durante o curso.
Entre as inúmeras atribuições do monitor de transporte escolar estão auxiliar no embarque e no desembarque dos estudantes, cuidar da segurança durante a viagem, inspecionar o comportamento das crianças dentro veículo e organizar a chegada e a saída dos alunos da escola, entre outras, sempre muito respeito e cuidado.
O curso contou com a participação direta da Escolinha Municipal de Trânsito, que ofereceu o espaço para a realização das aulas, além de palestrantes. De acordo com a secretária municipal de Educação, Verônica Cosmo Barbosa, o curso faz parte da diretriz da Pasta, para quem todos os profissionais envolvidos no contexto escolar de cada unidade são educadores.
“Deste modo, nossa proposta é realizar formações continuadas para todos os servidores municipais que fazem parte da Secretaria de Educação, independentemente de sua função. Cada um deles necessita estar bem preparado e atualizado para atender com presteza e qualidade a população”, explicou Verônica.